Logo da beegin
seu portal de investimentos alternativos

Preencha seus dados para acessar o conteúdo!

Enviando seus dados, você também receberá por e-mail conteúdos exclusivos em primeira mão.

Ao enviar, você estará concordando com os Termos de Uso e a Política de Privacidade da beegin.

dez 3, 2021
Investir em edtechs
Compartilhe

O avanço tecnológico revolucionou a educação e tornou os sistemas de aprendizagem mais modernos e dinâmicos, favorecendo ótimos resultados para alunos e profissionais. Exemplo disso são as soluções propostas pelas edtechs, que trouxeram inovações no processo de ensino-aprendizagem.

As edtechs são empresas que oferecem serviços inovadores em educação por meio da tecnologia. Para dar uma ideia de sua relevância, no mapeamento realizado em 2020 pela Associação Brasileira de Startups, as edtechs representam 17,3% de todas as startups nacionais.

Devido a esse cenário, as edtechs representam um setor interessante para o investidor, e entender mais sobre elas é fundamental.

O que são as edtechs?

As edtechs são startups que atuam no segmento da educação, desenvolvendo soluções inovadoras e de base tecnológica. Neste esforço, elas oferecem serviços educacionais que utilizam recursos digitais e conectividade.

Estas soluções podem estar disponíveis em diversos níveis, como:

  • cursos livres;
  • ensino superior;
  • educação básica;
  • educação técnica;
  • educação corporativa;
  • aprendizado de idiomas.

O termo edtech é a abreviação das palavras em inglês education technology, um conceito em grande crescimento no mercado, assim como outros segmentos que utilizam a tecnologia para propor soluções eficazes a desafios sociais.

Quais soluções proporcionam?

O objetivo das edtechs é oferecer serviços educacionais que auxiliam a promover o aprendizado de uma forma inteligente, dinâmica, acessível e produtiva. Para isso, foram desenvolvidos produtos com base em tecnologias avançadas, aplicadas em diversas vertentes da educação.

Algumas das principais soluções que as edtechs oferecem são:

  • e-learning;
  • gamificação;
  • cultura maker;
  • aprendizagem adaptativa;
  • tecnologias que promovem o protagonismo dos alunos.

Por que é um segmento promissor?

A educação é um dos setores mais movimentados do mercado. Ele serve como base para todas as formações, crescimento pessoal e profissional. Com isso, as edtechs encontram um caminho repleto de oportunidades, criando soluções que ajudam a superar desafios e garantir um sistema educacional mais eficiente.

Como investir em startups

Exemplo desse crescimento é o grande número de edtechs brasileiras que estão entre as 100 mais promissoras da América Latina, segundo o Latin America Business Stories (LABS).

Por que considerar investir em edtechs?

Diante da evolução da economia do conhecimento e da transformação digital, a educação é cada vez mais estratégica para elevar a competitividade de um mercado. Nesse sentido, os serviços das edtechs são essenciais para elevar a eficiência e flexibilidade do aprendizado em todos os níveis.

Além de garantir maior engajamento do público com o uso da tecnologia e conectividade, as edtechs proporcionam uma melhor experiência de ensino-aprendizagem. Ela facilita a capacitação de forma acessível, contribuindo no desenvolvimento da sociedade.

Alinhado a isso, são negócios promissores e com alto potencial de crescimento, principalmente por auxiliar a resolver grandes desafios da educação. Portanto, é uma alternativa para investir em startups escaláveis e, em simultâneo, colaborar com o avanço da educação no Brasil.

Qual a melhor forma para investir em edtechs?

O mercado financeiro oferece diversas possibilidades para o investidor aplicar o capital em startups promissoras, em diversos níveis de maturidade. No caso das edtechs, não é diferente. Ter acesso a negócios escaláveis é a melhor forma para conseguir ativos rentáveis.

Para isso, uma boa opção é contar com uma plataforma de crowdfunding, que reúne investimentos alternativos com alto potencial de crescimento. Dessa maneira, você terá segurança e praticidade para identificar negócios, investir e diversificar sua carteira.

Nesse sentido, a beegin é uma plataforma de investimentos alternativos que permite investir em startups e empresas emergentes e promissoras. Ela é regulamentada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Além disso, a beegin conta com criterioso processo de avaliação das empresas com objetivo de identificar as melhores oportunidades para o investidor aplicar em empresas privadas em fase significativa de crescimento.

Gostou do conteúdo? Se você deseja contar com uma plataforma segura e confiável e ter acesso a diversos ativos promissores, não perca tempo! Conheça agora mesmo a plataforma de investimentos alternativos beegin!

Por Equipe beegin

A beegin é o seu portal de investimentos alternativos. Acompanhe as tendências de private equity e venture capital.

Related Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *